terça-feira, 21 de maio de 2024

Aranha-violino-mediterrânica (Loxosceles rufescens)




Aranha-violino-mediterrânica (Loxosceles rufescens Dufour, 1820)
Classificação:
Reino: Animalia;
Filo: Arthropoda;
Classe: Arachnida;
Ordem: Araneae;
Família: Sicariidae;
Género: Loxosceles;
Espécie: L. rufescens.
Distribuição: espécie originária da Região Mediterrânea, entretanto intoduzida noutras partes do globo. Em Portugal ocorre como espécie autóctone no território do Continente.
Dieta: é constituída sobretudo por insectos e outras aranhas.
Habitat: activa durante a noite, permanece durante o dia escondida sob as cascas de árvores e noutros esconderijos.
Toxicidade: admite-se como certo que a picada desta aranha pode causar danos graves em humanos, pelo que deve ser considerada como animal perigoso. É, pois, aconselhável ter cuidado e evitar o contacto com fêmeas e machos desta espécie.
(Avistamento: Parque da Paz - Almada; 20 Maio - 2024)

sábado, 18 de maio de 2024

Diptera: Chrysops caecutiens

 

Chrysops caecutiens (Linnaeus, 1758)

Classificação:
Reino: Animalia;
Filo: Arthropoda;
Classe: Insecta;
Ordem: Diptera;
Família: Tabanidae;
Género: Chrysops;
Espécie: C. caecutiens.
Distribuição: Europa, Médio Oriente e Ásia Central.
[Avistamento: Canha (Montijo), 15 - Maio - 2024)

sexta-feira, 17 de maio de 2024

Borboletas: Spiris striata



Spiris striata Linnaeus, 1758 *
Classificação:
Reino: Animalia;
Filo: Arthropoda;
Classe: Insecta;
Ordem: Lepidoptera;
Família: Erebidae;
Género: Spiris;
Espécie: S. striata.
Distribuição:Europa e na Ásia em regiões e países como a AnatóliaCazaquistãoSibéria e Mongólia.
Habitat: áreas arenosas com vegetação rasteira e abundante em gramíneas, plantas de que se alimenta.
* SinonímiaCoscinia striata.
(Avistamento: Verdizela (Seixal); 17 - Maio - 2024)

quinta-feira, 16 de maio de 2024

Hemiptera: Percevejo-da-couve (Eurydema ornata)




Percevejo-da-couve (Eurydema ornata Linnaeus, 1758)
Classificação:
Reino: Animalia;
Filo: Arthropoda;
Classe: Insecta;
Ordem: Hemiptera;
Família: Pentatomidae;
Género: Eurydema;
Espécie: E. ornata;

Distribuição: Europa, norte de África, sul e leste da Ásia. Em Portugal ocorre quer no território do Continente, quer nas ilhas do arquipélago da Madeira.
Habitat: frequenta sobretudo plantas da família das Brassicáceas ou Crucíferas, plantas de que se alimenta.
[Avistamento: Alcochete (concelho); 15 - Maio - 2024]

Borboletas: Acontia trabealis

Acontia trabealis (Scopoli, 1763)*
Classificação:
Reino: Animalia;
Filo: Arthropoda;
Classe: Insecta;
Ordem: Lepidoptera;
Família: Noctuidae;
Género: Acontia;
Espécie: A. trabealis;
Distribuição: a população da espécie concentra-se sobretudo na Europa, com núcleos no Norte de África e Médio Oriente; e outros dispersos por uma parte da Ásia indo desde a Rússia até à China e Japão.
Habitat:  com preferência por solos arenosos, em locais secos, com boa exposição solar.
*Sinónimo: Emmelia trabealis.
(Avistamento: concelho de Alcochete; 15 - Maio - 2024)

terça-feira, 14 de maio de 2024

Mainá-de-crista (Acridotheres cristatellus)

 



Mainá-de-crista ou Mainato-de-poupa (Acridotheres cristatellus L.)
Ave exótica, originária do continente asiático, introduzida em Portugal nos finais do século passado.
Família: Sturnidae;
Estatuto de conservação da espécie (IUCN): "Pouco preocupante"
Outras imagens e + informação: aqui.
(Avistamento: Parque urbano de Almada; 8 Maio 2024)

sexta-feira, 10 de maio de 2024

Cegonha-branca (Ciconia ciconia)





Cegonha-branca (Ciconia ciconia L.) é avistada com frequência, em Portugal, habitando, em regra, na proximidade de rios, lagos e lagoas e em zonas húmidas, pois a sua alimentação depende de animais que aí têm o seu habitat (rãs, cobras, peixes, insectos e outros animais de pequeno porte). É uma ave migradora (parte para África no final do Verão e regressa no princípio da Primavera) embora também já seja frequente encontrar em Portugal, casais residentes, até em locais, onde, à partida, não seria expectável a sua fixação, como é o caso, por exemplo, da Cova da Beira, nas proximidades da Serra da Estrela.
A cegonha-branca é uma ave de grande envergadura, atingindo mais de um metro de altura e mais de um metro de comprimento.Tem pernas altas que lhe dão um certo ar desengonçado mas perfeitamente adaptadas aos locais onde se alimenta. Em voo, no entanto, o seu aspecto é grácil.
Qualquer local elevado (cimo das árvores, torres e até postes de electricidade) lhe serve para construir os seus ninhos, por norma, de grandes dimensões.
- Família: Ciconiidae.
(Local e data dos avistamentos: Canha (Montijo); 10 - Maio - 2024)

quinta-feira, 9 de maio de 2024

Estorninho-preto (Sturnus unicolor)

 


Estorninho-preto (Sturnus unicolor Temminck)
Família: Sturnidae;
Estatuto de conservação da espécie (IUCN): "pouco preocupante"
Mais informação: aqui.
(Avistamento: Parque da Paz - Almada; 9 - Maio - 2024)


quarta-feira, 8 de maio de 2024

Formiga-do-deserto (Cataglyphis iberica)



Formiga-do-deserto (Cataglyphis iberica Emery, 1906)

Classificação:
Reino: Animalia;
Filo: Arthropoda;
Classe: Insecta;
Ordem: Hymenoptera;
Família: Formicidae;
Género: Cataglyphis;
Espécie: C. iberica.
Distribuição e habitat: espécie endémica da Península Ibérica, com ocorrência em Portugal ao longo de todo o território do Continente. Frequenta sobretudo lugares áridos, clareiras de matos e outros terrenos com vegetação escassa.
(Avistamento: Parque da paz - Almada; 13 - Abril - 2024)

terça-feira, 7 de maio de 2024

Alvéola-branca (Motacilla alba)





Alvéola-branca (Motacilla alba L.)
Família: Motacillidae;
Estatuto de conservação da espécie (IUCN): "Pouco preocupante".
Outras imagens e + informação: aqui.
(Avistamento: Parque urabno de Almada; 7 - Maio - 2024)

terça-feira, 30 de abril de 2024

Gafanhotos: Chorthippus jacobsi



Chorthippus jacobsi Harz, 1975)
Classificação:
Reino: Animalia;
Filo: Arthropoda;
Classe: Insecta;
Ordem: Orthoptera;
Família: Acrididae;
Génenro: Chorthippus;
Espécie: C. jacobsi.
Distribuição: trata-se de uma espécie endémica da Península Ibérica.
(Avistamento: parque da Paz - Almada; 27 - Abril - 2024)

domingo, 28 de abril de 2024

Coleópteros: Certallum ebulinum


Certallum ebulinum (Linnaeus, 1767)
Classificação:
Reino: Animalia;
Filo: Arthropoda;
Classe: Insecta;
Ordem: Coleoptera;
Família: Cerambycidae;
Género: Certallum;
Espécie: C. ebulinum;

Distribuição: este insecto ocorre principalmente (e quase exclusivamente), nos países da Região Mediterrânea,  incluindo em Portugal.
(Avistamento: Parque da Paz - Almada; 27 - Abril - 2024)

quinta-feira, 25 de abril de 2024

# Lepidoptera: Thysanoplusia orichalcea

 

Thysanoplusia orichalcea (Fabricius, 1775)
Classificação:

Reino: Animalia;
Filo: Arthropoda;
Classe:  Insecta;
Ordem: Lepidoptera;
Família: Noctuidae;
Género: Thysanoplusia;
Espécie: Th. orichalcea;

Distribuição: traça originária da Indonésia, tem actualmente uma área de distribuição muito mais alargada, abrangendo grande parte da Europa, da Ásia e de África, estando também presente na Austrália e na Nova Zelândia. Em Portugal, ocorre quer no território do Continente, quer nos arquipélagos dos Açores e da Madeira.
(Avistamento: parque da Paz - Almada; 24 - Abril - 2024)

quinta-feira, 18 de abril de 2024

Diptera: Myathropa florea





Myathropa florea (Linnaeus, 1758) *
Classificação:
Reino: Animalia;
Filo: Arthropoda;
Classe: Insecta;
Ordem: Diptera;
Família: Syrphidae;
Género: Myathropa;
Espécie: M. florea;

Distribuição: Europa; Ásia e Norte de África.

Habitat: terrenos de pastagem, orla de florestas, campos agrícolas,  parques e jardins.
* Sinonímia: Musca florea; Musca ablecta; Myathropa ablecta.
(Avistamento: Parque da Paz - Almada; 31 - Março - 2024)

domingo, 14 de abril de 2024

Coleópteros: Cetonia aurataeformis



 (Cetonia aurataeformis Curti, 1913 *) 
Classificação:
Reino: Animalia;
Filo: Arthropoda;
Classe: Insecta;
Ordem: Coleoptera;
Subordem: Polyphaga;
Família: Cetoniidae;
Género: Cetonia;
Espécie: C. aurataeformis;

* Sinonímia:Cetonia carthami aurataeformis.

(Avistamento: Parque da Paz - Almada; 12 - Abril 2024

quarta-feira, 27 de março de 2024

Coleópteros: Escaravelho-verde (Psilothrix viridicoerulea)

 


Escaravelho-verde (Psilothrix viridicoerulea Geoffroy, 1785)
Classificação:
Reino: Animalia;
Filo: Arthropoda;
Classe: Insecta
Ordem: Coleoptera;
Família: Dasytidae;
Género: Psilothrix;
Espécie: P. viridicoerulea:

Nota: pequeno insecto com cerca de 6 mm de comprimento, de cor verde-azulada metalizada, brilhante. Ocorre em grande parte da Europa (incluindo em Portugal) e no Médio Oriente.
(Avistamento: Parque da Paz - Almada; 25 - Março - 2024)